Notícia

Arcos 10 Agosto 2020 Por ALCO 63° BPM

Principais ocorrências policiais dos últimos dias em Arcos


Compartilhe:

   Uma ocorrência de tráfico de drogas, registrada em Arcos na noite de sexta (07), chamou a atenção no fim de semana. Após o recebimento de várias denúncias sobre o comércio de entorpecentes estar sendo praticado em uma casa do bairro São José, policiais militares planejaram uma operação e conseguiram efetuar a prisão de dois homens e duas mulheres envolvidos no crime. Na ocorrência foram apreendidos: 100 papelotes de cocaína, 02 porções da mesma substância, 01 máquina de cartão, 03 celulares, 01 facão e R$ 861,00 em dinheiro. O fato se iniciou com uma abordagem a dois cidadãos, de 30 e 35 anos, nas proximidades da residência. Com eles havia uma porção da droga. Em seguida, um veículo foi interceptado e a condutora, de 31 anos, trazia consigo 09 papelotes e dois pinos de cocaína. Os três envolvidos tinham conexão com a moradora de uma casa situada na rua Felisbina Vieira, bairro São José, de 35 anos, que também é prestadora de serviços de transporte via aplicativo. Ela foi encontrada e indicou onde havia mais drogas, embaladas em uma sacola que estava escondida numa estrada vicinal na saída de Arcos para Formiga. Além de 88 papelotes que havia na sacola, outras unidades foram localizadas na carteira da autora. Os quatro autores foram presos em flagrante e conduzidos à delegacia de Formiga, juntamente com a droga e demais materiais arrecadados na ocorrência. Suspeita-se que a droga tenha sido adquirida na cidade de Campo Belo.

 

   No sábado (08), pouco depois das 16h, a Polícia Militar recebeu informações sobre um veículo produto de furto ter sido abandonado no pátio do antigo posto ‘Barreiro’. No local, os militares confirmaram a denúncia, encontrando um VW Saveiro, estacionado e com os vidros abertos. O carro havia sido furtado na madrugada daquele dia, na cidade de Lagoa da Prata. Foi removido ao pátio credenciado para posterior restituição ao verdadeiro proprietário.

 

   No período, também houve o registro de ocorrências de vias de fato e agressão, ameaça, perturbação do sossego e infrações de trânsito. Nenhum fato mais grave foi noticiado à polícia.

 

POLÍCIA MILITAR DE MINAS GERAIS: 245 ANOS, UMA POLÍCIA SOLIDÁRIA!

COMENTÁRIOS

Veja outras notícias