Notícia

Ação de revegetação planejada é promovida em área degradada em Arcos


Compartilhe:

   Dia 05 de junho, foi comemorado o Dia Mundial do Meio Ambiente, data estabelecida pelas Nações Unidas para estimular a ação e conscientização global a favor da natureza. E como não poderia deixar de se fazer algo concreto em Arcos, no dia 6 de junho (sábado) várias pessoas se juntaram para o plantio de mudas nativas e frutíferas em uma área de APP degradada num processo de revegetação planejada. Ressaltando que todas as pessoas estavam devidamente protegidas com máscaras.

 

   As mudas plantadas foram de Aroeira vermelha ou pimenta rosa (Schinus terebinthifolia), Ipê rosa (Handroanthus heptaphyllus, Ipê amarelo (Handroanthus albus), Muchoco que também tem os nomes de sapatinho-de-judeu, corticeira-da-serra (e tem sido usada no auxílio ao combate ao câncer) (Erythrina falcata Benth) Sombreiro (Clitoria fairchildiana) e outras, goiaba de kg (Psidium guajava). As mudas foram doadas pela Nordesta, viveiro de mudas sediado em Arcos que desenvolve relevantes ações ambientais em todo Brasil e outra parte das mudas doadas foram doações por uma família de Arcos.

 

   A ação aconteceu na propriedade do Sr. Antonio Pedro da Silva popularmente conhecido como Antônio do Zé Rosa e sua esposa Geralda Celina de Sousa Silva na fazenda Córrego das Almas. Estavam presentes no local, representantes do Rotary Club de Arcos, da Prefeitura Municipal de Arcos, Câmara Municipal de Arcos e a EMATER-MG que coordenou as ações. Na oportunidade da ação e da reunião de vários companheiros, foi cantado parabéns para um dos integrantes do projeto, o Sr. Zenaido Lima da Fonseca, que fazia aniversário no mesmo dia.

COMENTÁRIOS

Veja outras notícias