• 25/05/2024
18 Abril 2024 às 15h36
Fonte de Informação: Câmara Municipal de Arcos

Oito dos nove vereadores mudam de partido antes das eleições municipais

Com o fim da janela partidária, aberta entre os dias 7 de março e 5 de abril deste ano, oito dos nove vereadores de Arcos trocaram de partido político. A única exceção é a vereadora Kátia Mateus, que se mantém no PL.

Com o fim da janela partidária, aberta entre os dias 7 de março e 5 de abril deste ano, oito dos nove vereadores de Arcos trocaram de partido político. A única exceção é a vereadora Kátia Mateus, que se mantém no PL.

O partido passa a ser, então, a sigla com o maior número de parlamentares na Casa, com três vereadores: José Calixto da Fonseca, Kátia Mateus e Laerte Mateus - Letinho. O PSD (com a adesão de Carlos Antônio da Silva - Carlinhos e João Paulo Ferreira - Joãozinho) e o Republicanos (com a filiação do presidente Flávio Correia e de Ronaldo Ribeiro) ficaram com dois vereadores cada, enquanto o Avante (com Ney Miranda) e o PV (com Ademar de Medeiros - Sorriso) têm apenas um.

Os partidos Agir36, Cidadania, MDB, PSDB e PTB deixaram de ter representantes no legislativo neste mandato.

Confira abaixo as mudanças partidárias:

  • Ademar Aureliano de Medeiros - Sorriso: era do Avante e passa a ser do PV;
  • Carlos Antônio da Silva - Carlinhos: era do MDB e passa a ser do PSD;
  • Flávio Correia da Silva: era do PSDB e passa a ser do Republicanos;
  • João Paulo Ferreira - Joãozinho: era do Cidadania e passa a ser do PSD;
  • José Calixto da Fonseca: era do Cidadania e passa a ser do PL;
  • Kátia Mateus de Moura Sousa: se mantém no PL;
  • Laerte Cesário Mateus - Letinho: era do Agir36 e passa a ser do PL;
  • Ney Carlos Miranda: era do PTB e passa a ser do Avante;
  • Ronaldo Gaspar Ribeiro: era do Agir36 e passa a ser do Republicanos.

VEJA TAMBÉM