• 10/08/2022
26 Julho 2022 às 11h46
Fonte de Informação: Da Redação - Cecília Calixto

Mais pessoas estão caindo no golpe da falsa venda de móveis e eletrodomésticos nas redes sociais

Imagem Ilustrativa - Pixabay

Cuidado com o Golpe. Em sequência a nossa série de matérias para alertar sobre os golpes mais comuns atualmente, falaremos agora sobre o “Golpe da Falsa Venda de Móveis e Eletrodomésticos”, que tem sido bem frequente em Arcos e em várias cidades da região.

Esse golpe normalmente acontece nas redes sociais Instagram e Facebook. Tudo começa com a invasão de uma conta que esteja em alguma dessas redes sociais. Ao conseguir invadir o perfil, o golpista posta imagens nos stories de vários móveis, eletrônicos e eletrodomésticos com preços atrativos. O texto postado fala que os produtos estão sendo vendidos por um terceiro, que vai mudar de país ou de estado, por isso não tem como levar os bens.

Conversando pelo Direct com o golpista, a pessoa acha que está falando com o dono da conta do Instagram. O golpista convence a pessoa a fazer uma transferência via Pix para garantir o produto, e diz que 'tem vários interessados'. A pessoa faz a transferência para a conta de um laranja, mas o produto não vai ser entregue, e então, que a vítima percebe que caiu em um golpe. Depois, mesmo fazendo boletim de ocorrência, fica muito difícil da polícia rastrear onde foi parar o dinheiro transferido via Pix.

Isso também acontece com muita frequência no Marketplace do Facebook, onde vários produtos são oferecidos diariamente, porém, nem sempre é possível saber quem está do outro lado fazendo a venda.

 

Orientações para não cair no golpe

De acordo com o Delegado de Polícia Civil em Arcos, Patrick Carvalho, é importante tomar as seguintes medidas para se prevenir de cair nesse golpe:

- Ligar para a pessoa e confirmar se ela está vendendo os eletrônicos

- Sempre desconfiar de ofertas com preço muito abaixo do valor de mercado

- Pedir fotos do produto além daquelas postas no Stories

- Perguntar sobre a nota fiscal do produto, que garante a procedência

- Sempre ter cuidado antes de transferir dinheiro para a conta em nome de um desconhecido

Dr. Patrick também fez as seguintes ressalvas: “A cada dia os golpes estão mais sofisticados, eles mudam a linha de trabalho, pois eles percebem que as pessoas já estão atentas e eles mudam a forma de praticar o crime. Devido a isso, não tem como nós dizermos sempre as orientações do que deve ser feito, mas, a orientação sempre é que, qualquer valor que você for pagar, transferir ou entregar, qualquer dado ou link você tem que ter uma atenção redobrada. Na realização de pagamentos confira com a pessoa os dados, não deposite no nome de pessoas que não estejam envolvidas na negociação”.

“Qualquer coisa que você for comprar, se possível, faça ligação telefônica pra pessoa e confirme, tente comparecer pessoalmente na casa da pessoa, conversar olho no olho, assim se evita os golpes e estelionatos. Então, qualquer coisa que for sair de sua conta bancária, qualquer coisa que você for entregar para alguém tenha atenção redobrada”.

 

O que fazer para não ter a conta do Instagram invadida?

- Ative a verificação em duas etapas para logar na conta

- Não forneça códigos ou senha em hipótese nenhuma pelo Direct ou WhatsApp

- Quando for contatado pelo Direct com oferta de promoções, desconfie

- Nunca clique em links que levante suspeitas

 

VEJA TAMBÉM

Alegria x Felicidade

13h26 08 Agosto 2022