• 17/05/2022
28 Abril 2022 às 10h33

José Fernandes, o Arcoense Ausente que foi jurado de TV

Nascido  em Arcos, em 26/06/1929 às 18:00 hs, conforme registro no Cartório Civil de Arcos, nas folhas 155 do Livro A nº 05 sob o nº 132.


    Ele era filho de José Baptista de Mendonça e D. Maria Fernandes, casados em Arcos.


    Era pianista, gostava de tango. Teve sua formação musical iniciada aos 7 anos, quando seu pai contratou um professor de música para ele. Quando ele saiu de Arcos para Bambuí, tinha o apelido de Zé trombone, porque ele tocava trombone na banda.


    Passou por uma série de dificuldades. Quando estava em Belo Horizonte e resolveu ir para São Paulo.

 

    A partir daí, começava a sua jornada até chegar a ser o temido jurado por não dar nota 10 para ninguém.


        Após ter saído da rádio Tamoio, em 1967 se tornou jurado no programa do Flávio Cavalcanti. A partir daí, seu futuro já estava traçado: ser o jurado ranzinza e durão da TV. Todos o temiam.


    No dia 5 de setembro  falece no hospital da Lagoa.
    José Fernandes deixou viúva, D. Maria Sônia, com quem se casou e teve dois filhos.


    Várias pessoas estavam presentes em seu enterro, dentre elas Silvio Santos, Flávio Cavalcante, Pedro de Lara.


Geraldo Ló

Colunista
Geraldo Ló

VEJA TAMBÉM

Associação vence equipe do Vila e respira na Copa Regional Sub25

O Vila até tentava chegar, mas parava no bom goleiro Pezinho, que fazia boas defesas

08h00 16 Maio 2022
Domingo tem clássico pela Copa Regional Sub25 de futebol em Arcos

A partida é valida pela quarta rodada da primeira fase da competição

15h30 14 Maio 2022