Notícia

Centro-Oeste: Operação conjunta prende oito integrantes de organização


Compartilhe:

 

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG), com apoio da Polícia Militar, realizou a operação Sonata, visando desarticular uma organização criminosa vinculada ao tráfico de drogas que age na região Centro-Oeste do estado. As ações ocorreram nos dias 20, 21 e 24 de novembro, nas cidades de Arcos, Córrego Fundo e Pimenta. As investigações iniciaram em agosto deste ano, após denúncias anônimas recebidas pela PCMG.

 

Segundo o delegado que coordenou os trabalhos policiais, Patrick Carvalho, a operação resultou na prisão de oito integrantes da organização criminosa e na apreensão de 147 papelotes de cocaína; 2,3 kg de maconha; quase 2 kg de cocaína, além de insumos e materiais para refino e embalagem da droga. Também foram arrecadados nove celulares; R$7.339 em dinheiro; um cheque no valor de R$1.153; dois carros; uma moto; três balanças de precisão e uma espingarda de chumbinho.

 

Prisões

 

De acordo com as investigações, os suspeitos, moradores das cidades de Pimenta e Arcos, utilizavam um sítio, na zona rural de Arcos, para o preparo dos entorpecentes. Durante a intervenção policial, realizada no dia 20 de novembro, três homens, de 22, 25 e 27 anos, foram flagrados saindo do referido sítio, onde funcionava um laboratório para refino e embalo de drogas. No local, foi apreendida grande quantidade de pasta base de cocaína, além de diversos insumos e materiais para refino de droga e dinheiro.

 

Em seguida, uma equipe da Polícia Civil se deslocou até a casa de um dos investigados, em Arcos, ocasião em que outro integrante da organização criminosa, de 20 anos, foi preso em flagrante na posse de diversos papelotes de cocaína, embalados e prontos para a comercialização.

 

No mesmo dia, uma equipe da Polícia Militar foi a um terceiro imóvel, também em Arcos, após receber informações de que as namoradas de dois integrantes da organização criminosa estariam escondendo drogas para eles. Após levantamentos, foi verificado que, durante a prisão dos outros investigados, um jovem de 19 anos, membro da mesma organização, buscou a droga com as garotas e as escondeu em uma estrada vicinal, na zona rural de Arcos. O entorpecente foi localizado e apreendido, sendo o jovem de 19 anos preso em flagrante por tráfico.

 

Em continuidade às investigações, a polícia apurou que a mesma organização criminosa havia alugado um sítio na zona rural de Córrego Fundo, com o intuito de armazenar drogas e depois comercializá-las. Assim, no dia 21 de novembro, equipes das polícias Civil e Militar foram até o local indicado e apreenderam grande quantidade de maconha e cocaína. Pai e filho, de 53 anos e 26 anos, foram presos. Conforme investigação, o homem de 53 anos também é pai de outros dois integrantes da organização.

 

A PCMG ainda representou pela prisão de um oitavo suspeito de integrar o grupo criminoso, de 19 anos, pelo crime de tráfico de drogas. O mandado foi expedido pela Justiça e cumprido no dia 24 de novembro, em Pimenta. Conforme apurado, o investigado teria pedido a um adolescente para esconder, em meio a uma plantação de soja, diversas buchas de maconha. O adolescente foi localizado e indicou a localização da droga, apreendida pela polícia.

 

Os presos foram encaminhados ao sistema prisional, onde se encontram à disposição da Justiça. As investigações prosseguem. Participaram da operação policiais civis em Arcos e Formiga, com apoio da Polícia Militar em Arcos e Pimenta.

COMENTÁRIOS

Veja outras notícias