Notícia

Região 13 Junho 2020 Por Diário de Uberlândia

Idosa morre após cair de maca de ambulância no Triângulo Mineiro


Compartilhe:

   Uma idosa de 82 anos morreu na noite da última quinta-feira (11) após cair de maca de uma viatura do Sistema Integrado de Atendimento a Trauma e Emergência (Siate) em Uberlândia. Segundo a família da vítima, a morte teria ocorrido após a equipe de resgate ter deixado o equipamento cair com a paciente em cima. No Boletim de Ocorrência do Corpo de Bombeiros, os médicos disseram que a queda resultou em traumatismo craniano e sangramento no nariz.

 

   O chamado foi registrado por volta de 7h30, quando a idosa apresentou problemas clínicos. A família acionou o Siate, que chegou ao local pouco depois. Os profissionais prestaram atendimento inicial e levaram a vítima até a Unidade de Atendimento Integrado (UAI) do bairro Planalto. Ao retirar o equipamento, a maca teria desarmado, resultando na queda da vítima no chão.

 

   A idosa foi levada até o interior da UAI, onde recebeu atendimento. Às 21h30, os médicos confirmaram o falecimento da vítima, entretanto, a causa da morte não foi revelada, visto que ela já apresentava problemas clínicos anteriormente.

 

   Procurada pela reportagem, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) informou que ao saber do ocorrido, solicitou à Associação Paulista para o Desenvolvimento de Medicina (SPDM) a abertura de sindicância interna para apurar os fatos, uma vez que a equipe civil do Siate é gerida pela instituição. Em nota divulgada, a SMS afirma que "como a equipe também possui militares, essa avaliação do militar caberá ao comando da instituição de segurança pública. Salientamos que o médico que avaliou a paciente na unidade solicitou necropsia para melhor definir a causa da morte".

COMENTÁRIOS

Veja outras notícias