Centro Oeste / Arcos

Jovem desaparecido é encontrado morto com requintes de crueldade.

O Motivo seria uma dívida de drogas. Suspeitos abandonam corpo na estrada da Usina Velha, zona rural de Arcos.

Foto: Renato Vieira

Um homem foi encontrado morto, na tarde de hoje (05), por volta das 12h30, nas proximidades da ‘Usina Velha’, zona rural do município. A vítima João Paulo da Silva, de 31 anos, estava desaparecida desde 17 de novembro, e a família já havia comunicado à Polícia, seu desaparecimento. 

 

Em contato com um familiar que estava no local, nossa equipe teve a informação de que João Paulo estaria de mudança de onde morava, e no sábado, 17, foi ate a casa de sua mãe para ver a possibilidade de deixar seus pertences,roupa, televisão, isso por volta das 15 horas. Depois disso, ele teria dito que iria ali e já voltava e não foi visto mais. João Paulo da Silva era mecânico e pai de dois filhos, um garoto de 09 e uma garota de 03 anos de idade.

 

DOIS MENORES SÃO APREENDIDOS E CONFESSAM O CRIME

 

Dois menores infratores, de 16 e 17 anos, ambos moradores do Bairro Brasília, foram localizados e apreendidos pela Polícia Militar na manhã desta quarta-feira (05) depois que os militares receberam informações sobre o homem ter sido executado em razão de um acerto de contas, por causa de drogas.

 

De acordo com os responsáveis pelo homicídio, João Paulo foi convencido a acompanhá-los até uma casa no Bairro Brasília, onde os adolescentes lhe forneceram drogas até que ficasse desacordado. Em seguida, o agrediram com pauladas, o amordaçaram e o amarraram, seguido com ele até a zona rural, estrada que leva à usina velha, desferindo-lhe duas facadas no peito e ateando fogo no seu corpo para dificultar a identificação.

 

Inicialmente, os menores infratores tentaram enganar os militares, alegando que a vítima tinha sido levada para Campo Belo e morta por traficantes de lá. Entretanto, entraram em contradição várias vezes e decidiram colaborar, levando a polícia até o local, possibilitando a elucidação do caso, um homicídio com muitos requintes de crueldade.

 

A perícia técnica foi acionada e após os trabalhos, os restos mortais foram liberados para o serviço funerário.

Mais fotos desta notícia

Tags .

Veja também

Portal Arcos

jornalismo@portalarcos.com.br

(37)3405-1476

Av. Governador Valadares, 263, Centro

Baixe Aplicativo do Portal Arcos