Centro Oeste / Arcos

Pró-Mananciais promove o cercamento de 7 km de nascentes em Arcos

Programa busca preservar e recuperar as águas, aumentando a disponibilidade hídrica do município

Foto: ASSCOM

O programa Pró-Mananciais, realizado pela Companhia de Saneamento de Minas Gerais (COPASA), em parceria com a Prefeitura de Arcos e Sociedade Civil, estrutura desde 2017 ações de preservação nos córregos das Almas e Vargem dos Britos no município. Já foram cercados 6.900 mil metros de nascentes que abastecem os mananciais onde é feita a captação da água para o abastecimento da cidade.  Essas e outras atividades têm o objetivo de recuperar e aumentar a disponibilidade hídrica desses importantes cursos d'água da região.

As iniciativas serão realizadas pelo Comitê Local de Meio Ambiente (Colmeia), que reúne representantes de diversas entidades locais, como a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (EMATER); Prefeitura; Instituto Estadual de Floresta (IEF); Sindicato Rural; Rotary; Lions Club; Cáritas; Paróquia Nossa Senhora do Rosário e; Loja Maçônica, dentre outras. O coletivo visa mobilizar a comunidade local e as instituições em favor da preservação do meio ambiente.  Dentre as atividades, foram realizadas visitas a moradores e aos mananciais para identificar oportunidades de atuação.

O cercamento das nascentes e dos mananciais evita que animais pisoteiem as margens e contaminem a água. Outra ação programada é o plantio de mais de 6 mil mudas de árvores nativas para preservar a mata ciliar e os recursos hídricos da região.

O secretário de Meio Ambiente e Agricultura, Robson José Correia, representante da Prefeitura de Arcos neste projeto, ressalta os avanços das ações que estão em andamento e seus reflexos para o município. “Estou muito animado com este projeto, principalmente porque está sendo possível visualizar as ações planejadas e os benefícios que elas vão trazer ao meio ambiente. Após um período de reuniões e planejamentos, ver áreas de nascentes e mananciais cercadas me deixa muito esperançoso e animado para a realização das próximas ações que são o plantio de mudas, construção e limpeza de barraginhas, entre outras”, pontuou.

Ele ainda destacou como a população irá perceber os benefícios a médio e longo prazo e, principalmente conscientizar a respeito da preservação das nascentes e meio ambiente. “Com certeza muitos donos de terrenos rurais que não acreditam nestas ações vão começar a pensar diferente e buscar participar do programa. Estamos somente no início, mas muito ainda deverá ser feito para buscarmos a preservação de nossas nascentes e cursos dágua”, ressaltou.

A analista ambiental do IEF, Yustane Lopes, participa do Colmeia e destaca a eficiência das ações do programa. "É muito bom ver que as ações saem do papel e vão para a prática. Estamos trabalhando duro, pois acreditamos na iniciativa e isso é bom, pois faz com que a comunidade também acredite no trabalho", afirma.

Ela explica que o programa busca preservar os mananciais não apenas para garantir o abastecimento, mas também como forma de conscientizar a população. "As ações não só garantem a infiltração de água para abastecer os lençóis subterrâneos, como também contribuem para que a comunidade entenda a importância de se preservar aquele recurso hídrico", completou.

Pró-Mananciais

O Pró-Mananciais é um programa desenvolvido pela COPASA desde 2017 para recuperar e preservar os recursos hídricos dos municípios utilizados para o abastecimento público. No primeiro ano de atuação foram investidos cerca de R$ 20 milhões, em 58 municípios mineiros.

Atualmente o programa já está sendo desenvolvido em 138 cidades. A expectativa é atingir 161 municípios até o final de 2018.

Tags Arcos

Veja também

Portal Arcos

jornalismo@portalarcos.com.br

(37)3405-1476

Av. Governador Valadares, 263, Centro

Baixe Aplicativo do Portal Arcos