Geral / Artigos

Apertamento Dentário

Dentes gastos, restaurações trincadas, estalos na articulação da boca, dores que podem ser intensas são alguns dos sinais de apertamento dos dentes durante a noite. Um problema que vem crescendo ano após ano, muitas vezes atinge homens e mulheres e está associado ao estresse, na maior parte dos casos.

   O apertamento dentário leva a um esforço da musculatura envolvida (são horas seguidas de funcionamento muscular anormal), que pode resultar numa fadiga muscular ou mesmo num processo inflamatório. A fadiga pode causar a conhecida dor de cansaço muscular. Um dos principais músculos envolvidos é o masseter e a dor costuma se localizar na região das têmporas (entre o final das sobrancelhas e o ouvido). No caso de processo inflamatório as dores são piores e o inchaço, inerente à inflamação, pode pressionar um conhecido nervo que fica na região, o trigêmeo e causar a tão temida neuralgia do trigêmeo.

  A dor é intensa e difusa. O diagnóstico correto é fundamental pois há casos de extração de todos os dentes devido às dores, sendo que o problema poderia ser resolvido de maneira muito mais simples. Placas de relaxamento muscular são capazes de solucionar os principais distúrbios causados pelas para funções do sistema mastigatório.

   O problema do ronco (ruído causado na respiração ao dormir) e o quadro de apneia obstrutiva do sono (paralisação na respiração por obstrução da passagem de ar) também podem ser resolvidos no consultório dentário por um especialista.

 

Problemas, corretamente diagnosticados, podem possuir simples soluções no consultório odontológico. Os dispositivos intra orais são pequenos aparelhos usados na hora de dormir que resolvem a maioria dos casos.

  A abordagem odontológica para esses problemas é relativamente recente e talvez por isso não seja tão conhecida. Em contato com profissionais familiarizados com esses problemas é possível reconquistar prazeres fundamentais ao bem estar.

  Voltando ao apertamento dentário, o estresse é o grande responsável por esta manifestação clínica, onde o ponto de descarga das tensões são os dentes, que ficam sendo apertados uns contra os outros, dando estímulo danoso a toda estrutura dentária e hiperatividade em toda musculatura envolvida neste processo, gerando as dores, o desgaste e quebra de restaurações e dentes.

   Formas alternativas de driblar e minimizar o estresse são: atividade física, ioga, acupuntura, que são maneiras de relaxar e suavizar as pressões do dia a dia.

   Muitas dores de cabeça são geradas por tensão muscular e apertamento dentário. Cabe ao dentista mais experiente, durante o exame clínico, perguntar sobre possíveis dores de cabeça, saber diagnosticar e possivelmente tratá-las ou encaminhá-las ao médico. Não se deve tomar remédio sem saber a causa da dor de cabeça.

   Infelizmente, o dentista em muitos casos é o último profissional da saúde a ser procurado e pela demora em buscar o tratamento adequado, a doença se torna crônica.

  Faça  uma boa avaliação com um profissional da área de Dor Orofacial.

  Fique mais relaxado e seja feliz!

                                                  Fonte: www.abcdasaude.com.br

                                                                            Odontologika

 

 

Dr. José Donizetti Vieira

Cirurgião – Dentista

CROMG: 9475

Especialista em Odontologia Restauradora e Preventiva

Rua Donato Rocha, 346 – Centro - Arcos (MG)

Fone: (37) 3351-1086

Dr. José Donizetti Vieira

Cirurgião – Dentista
CROMG: 9475
Especialista em Odontologia Restauradora e Preventiva
Rua Donato Rocha, 346 – Centro - Arcos (MG)
Fone: (37) 3351-1086

×
As informações e as opiniões expressas nexte texto são de responsabilidade do autor, devidamente identificado acima. Não expressam o pensamento do Portal Arcos e de seus colaboradores.

Mais fotos desta notícia

Tags artigo

Veja também

Portal Arcos

jornalismo@portalarcos.com.br

(37)3405-1476

Av. Governador Valadares, 263, Centro

Baixe Aplicativo do Portal Arcos