Brasil / Outros estados e cidades

Avião que levava a delegação da Chapecoense rumo a Medellín cai na Colômbia

Chapecoense seguia para a Colômbia para jogar primeira final da Sul-Americana

Foto: Divulgação

Autoridades colombianas confirmaram, nesta manhã de terça-feira (29/11) a morte de 76 pessoas na tragédia com o avião que levava a Chapecoense. A aeronave, da companhia aérea Lamia, da Venezuela, de matrícula CP 2933, levava 81 pessoas a bordo: 72 passageiros e nove tripulantes, de acordo com a Aeronáutica Civil colombiana. O avião levava a delegação da Chapecoense para Medellin, onde iria disputar nesta quarta-feira (30/11) a primeira partida da final da Copa Sul-Americana contra o Atlético Nacional da Colômbia. A queda ocorreu nas proximidades de Medellín, pouco antes de checar ao seu destino. Uma das possibilidades é o avião ter sofrido pane elétrica.

A Polícia Metropolitana do Valle de Aburrá afirmou que cinco pessoas foram resgatadas com vida e levadas para hospitais da região. Chovia muito na região no momento da queda do avião. Uma das possibilidades é o avião ter sofrido pane elétrica, mas há a possibilidade de a aeronave ter sofrido pane seca também. O acesso ao local da queda é difícil. O avião não explodiu, de acordo com informações dos paramédicos.

O time brasileiro, rival do Palmeiras no fim de semana na partida que deu ao time paulista a conquista do título nacional, faria o primeiro confronto da decisão da Copa Sul-Americana com o Atlético Nacional, quarta-feira. A Confederação Sul-Americana já cancelou a partida e se colocou à disposição dos envolvidos.

O avião teria perdido o contato com a torre de controle às 22h15 (1h15 no horário de Brasília). O pedido de socorro foi emitido entre as cidades de Ceja e Lá Unión. A aeronave fez uma parada em Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia, depois de decolar do Brasil. Na emergência do voo, o piloto teria aberto os tanques de combustível para evitar a explosão da aeronave na queda. A região do acidente é montanhosa. O avião teria caído há apenas 25 quilômetros da cabeceira da pista do aeroporto de destino.

Resgate

A Aeronautica Civil da Colômbia informou em comunicado que a Força Aérea colombiana dispôs de um helicóptero para proceder com as buscas aos sobreviventes, além de prestar apoio com bombeiros, ambulâncias e toda rede hospitalar disponível no local. 

Pelo Twitter, o prefeito Federico Gutiérrez Zuluaga lamentou o ocorrido, afirmando que após o acidente todos os protocolos de emergência foram ativados e equipes de resgate foram enviadas ao local. "É uma verdadeira tragédia o que ocorreu esta noite. Lamentamos esta grande perda de vidas humans e expressamos toda a nossa solidariedade com os familiares, amigos e fãs da equipe Chapecoense. Estamos dispondo de toda a colaboração necessária, técnica e humana, para atender a este acidente"

Em nota oficial, a Conmebol suspendeu todas as atividades envolvendo a Confederação, inclusive a partida que estava marcada para quarta-feira às 21h45 (de Brasília) em Medellín deve ser adiada.

A Chapecoense emitiu uma nota. "Em função do desencontro das notícias que chegam das mais diversas fontes jornalísticas, dando conta de um acidente que transportava a delegação da Chapecoense, a associação esportiva, através de seu presidente Ivan Tozzo, reserva-se o direito de aguardar o pronunciamento oficial da autoridade aérea colombiana, a fim de emitir qualquer nota sobre o acidente. Que Deus esteja com nossos atletas, dirigentes, jornalistas e demais convidados que estão juntos com a delegação".

                        SOBREVIVENTES

Alan Ruschel (lateral da Chapecoense)
Jakson Follmann (goleiro)
Danilo (goleiro)
Rafael Henzel (jornalista)
Ximena Suarez (comissária)

VÍTIMAS

Lista de jornalistas:
Victorino Chermont - FOX
Rodrigo Santana Gonçalves - FOX
Devair Paschoalon - FOX
Lilacio Pereira Jr. - FOX
Paulo Clement - FOX
Mário Sérgio - FOX
Guilherme Marques - Globo
Ari de Araújo Jr. - Globo
Guilherme Laars - Globo
Giovane Klein Victória - RBS (repórter da RBS TV de Chapecó)
Bruno Mauri da Silva - RBS
Djalma Araújo Neto - RBS (cinegrafista da RBS TV de Florianópolis)
André Podiacki - RBS (repórter do Diário Catarinense)
Laion Espíndola - Globo Esporte
Rafael Valmorbida - Rádio Oeste
Renan Agnolin
Fernando Schardong
Edson Ebeliny
Gelson Galiotto
Douglas Dorneles
Jacir Biavatti
Ivan Agnoletto

Lista da tripulação:
Miguel Quiroga
Ovar Goytia
Sisy Arias
Romel Vacaflores
Alex Quispe
Gustavo Encina
Erwin Tumiri
Angel Lugo

Lista da delegação da Chapecoense:
Ananias Monteiro
Arthur Maia
Bruno Rangel
Aiton Cesar
Cleber Santana
Marcos Padilha
Dener Assunção
Filipe Machado
José Paiva
Guilherme de Souza
Everton Kempes
Lucas da Silva
Matheus Btencourt
Hélio Zampier
Sérgio Manoel Barbosa
William Thiego
Tiago da Rocha
Josimar
Marcelo Augusto
Mateus Lucena dos Santos
Luiz Saroli
Eduardo Filho
Anderson Araújo
Anderson Martins
Marcio Koury
Rafael Gobbato
Luiz Cunha
Luiz Grohs
Sérgio de Jesus
Anderson Donizette
Andriano Bitencourt
Cleberson Fernando da Silva
Emersson Domenico
Eduardo Preuss
Mauro Stumpf
Sandro Pallaoro
Plinio Filho
Gelson Merísio
Nilson Jr.
Decio Filho
Jandir Bordignon
Gilberto Thomaz
Mauro Bello
Edir De Marco
Daví Barela Dávi
Ricardo Porto
Delfim Pádua Peixoto Filho

 

TEMPO REAL:
10h05
Pelas informações disponíveis até agora, sabe-se que o acidente deixou 75 mortos e 6 feridos.

10h03

O jogador Neto também foi resgatado e está no hospital. O estado dele é critico. O jogador Alan Ruschel foi transferido para outro hospital.

9h59

O goleiro Danilo, que tinha sido resgatado com vida, morreu no hospital, segundo a Cruz Vermelha e a empresa de logística que estava em contato com a Chapecoense.

10H15

Michael Temer emita nota lamentando tragédia da Chapecoense e decreta luto de três dias

 

Veja também

Portal Arcos

jornalismo@portalarcos.com.br

(37)3405-1476

, 0,

Baixe Aplicativo do Portal Arcos